Rosácea - Dicas para quem sofre com vermelhidão

Rosácea - Dicas para quem sofre com vermelhidão

Pele vermelha, irritada, sensação de rosto quente, bochechas vermelhas e que por muitas vezes causam constrangimentos em locais públicos. Essas são situações bastante comuns, enfrentadas por quem tem rosácea.   Para quem não sabe, a rosácea é uma doença inflamatória da pele, que compromete os vasos sanguíneos. As causas exatas ainda não foram descobertas, mas pacientes principalmente de pele clara, são os que mais sofrem com ela.   Por isso, trouxemos algumas dicas que podem ajudar a minimizar a vermelhidão. Confira abaixo:



➡ Fique atento à composição dos produtos: 
Fragrâncias e conservantes como parabenos possuem alto potencial alergênico. Grânulos grandes esfoliantes, óleo mineral, produtos com pH ácido, também são componentes mais propícios a irritar a pele.


É preciso ficar atento também em substâncias como mentol, óleo de eucalipto e hortelã-pimenta que na maioria dos casos possuem ação refrescante, mas que nos casos de rosácea, agem de outra forma: queimação e até mesmo coceira! 



Dê preferência para produtos que contenham na composição substância como: alcaçuz, extrato de crisântemo, beta-glucano e ácido hialurônico, que ajudam a manter a umidade, deixando a pele mais hidratada.



➡ Utilize sabonetes faciais com formulação suave. A rosácea deixa a pele mais reativa e sensível aos sabonetes adstringentes



➡ Proteção solar diária é obrigatória! A radiação UVA, UVB é um dos principais fatores de piora da rosácea. 
A rosácea não tem cura, mas pode ser amenizada! Cuide da sua pele! 😉

Comentários